Zé Carlos garante que muitos vereadores que hoje estão na Câmara, compraram seus mandatos

Postado por:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
IMG_20220508_120234

O mais intrigante das eleições é a fortuna que é gasta para comprar os votos de  boa parte de eleitores que desconhecem a importância do papel de um vereador no Poder Legislativo.

Há quem diga quem a maioria das excelências gastaram dinheiro com força pra comprar um mandato de 12 mil reais mês, sem falar na verba de gabinete e outras regalias que somente quem anda próximo ao gestor pode falar com mais propriedade.

O ex-vereador Zé Carlos do BTN  (PP), digno de dois mandatos consecutivos, ficou fora do parlamento municipal, mas foi o mais votado com 1.221 votos pelo Progressistas.

Zé disse onde o “diabo se esconde”: “Manoel é um absurdo o que rasgaram nesta eleição, o que foi de cesta básica e compra de votos aqui mesmo no BTN foi de mais. Teve neguinho que nunca andou no bairro e comprou votos aqui com força. Eu estou muito feliz pela minha votação, sei e reconhece que foi muito bem votado, só que a distribuição de votos para eleger um vereador, ainda hoje é uma grande injustiça.”

Zé Carlos foi mais além: “como é que um cara tira 500 e poucos votos e hoje é vereador, outro tira 700 e é eleito”.

O ex-vereador externou seu apoio ao deputado federal Mário Negromonte Júnior, e disse que reside ainda no mesmo endereço no BTN. “Moro no mesmo lugar, não vou me esconder do povo meu bairro não. Se tiver de voltar um dia, só Deus e o povo irá dizer”.

Veja no vídeo abaixo o que disse Zé Carlos do BTN ao comunicador Manoel Alves.

Deixe seu comentário