“Está terminantemente proibido ‘paredão’ em Paulo Afonso”, alerta Secretaria de Meio Ambiente

Postado por:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
QA

De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente de Paulo Afonso, em entrevista à RBN, o município seguirá a determinação do governo do estado que proibiu, após a chacina de 6 pessoas em Salvador, o uso de ‘paredões’ em festas.

“Nós temos recebido uma grande demanda de promoventes de eventos festivos e a recomendação dada a eles é em consonância com o decreto do governador Rui Costa, no qual o promovente precisa ser previamente à Secretaria de Meio Ambiente, comunicar o evento bem como à Polícia Militar”, explicou o Meio Ambiente.

De acordo com a pasta, o aviso antecedente tem a finalidade de proibir festas clandestinas.

“O paredão fica terminantemente proibido de acordo com o mesmo decreto, mas se o promovente tiver com a festa legalizada, informados tanto à prefeitura como à Polícia Militar, pode realizar.”

A informação leva ao entendimento de que apenas o “Paredão” está proibido.

“Se o promovente descobrir a ordem corre pode ter o equipamento apreendido”, acrescentou a Secretaria.

 

 

Conteúdo: Canal Se Liga no Lima; RBN. 

 

Deixe seu comentário