Paulo Afonso: “O Plano de carreira foi bilateral, Gtran e prefeito”, diz associação dos agentes

Postado por:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on google
Share on twitter
Sem título

A Câmara Municipal de Paulo Afonso aprovou nesta 2ª feira, 10, o Plano de Cargos, Carreira e Remuneração para os agentes de trânsito. A pauta tem uma história de 13 anos, desde que a categoria foi criada por meio de concurso público.

Agentes de trânsito em frete à Câmara Municipal, após aprovação do Plano.

 

De acordo com o presidente da Associação dos Agentes de Trânsito, Carlos Luiz dos Santos, em entrevista à RBN, o plano aprovado ontem foi uma construção bilateral.

“Não foi só nossa e também não foi só a prefeitura municipal. O prefeito Luiz de Deus assumiu o compromisso de melhorar a instituição Gtran, e a gente procurou melhorar na nossa dimensão humana. A lei partiu do prefeito e graças a Deus ontem foi aprovada por unanimidade pelos vereadores, nós agradecemos ao prefeito e digo que ele está de parabéns, quem ganha com isso é a população”, comentou Luiz.

De acordo com o presidente, a partir da aprovação do plano, os agentes podem progredir  na carreira tanto de forma vertical, ou seja, individualmente, como horizontal, para toda categorial. O salário base passará a 1.800 reais em 2022.

“Como temos treze anos de prefeitura, nós passaremos para a referência a partir de 10 anos, só que mesmo essa referência será avaliada ano a ano”, completou Luiz.

Carlos Luiz disse ainda que houve um ganho para a categoria na gestão de Luiz de Deus, que proporcionou uma melhor estrutura para o Gtran que hoje tem 34 agentes de trânsito, sendo que desses 26 são operacionais.

Deixe uma resposta