Samu registra mais de 40% de trotes nas ligações em 2018

Postado por:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
thumbnail_TROTES SAMU SITES 03

Os milhares de trotes realizados para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Paulo Afonso, no ano de 2018, causaram grande transtorno no atendimento às vítimas. As falsas chamadas, muitas vezes, ocasionam o deslocamento da equipe de atendimento para determinado local, deixando de socorrer quem realmente necessita.

Durante todo o ano passado foram registradas 16.188 ligações, das quais 6.558 foram trotes, representando mais de 40%. “A gente está recebendo uma média altíssima de trotes na regional de Paulo Afonso, cerca de 41% das ligações são identificadas como falsas. Na maioria dos casos, nossa equipe consegue identificar, através de mecanismos preconizados do Ministério da Saúde, quando realmente não é uma ocorrência, mas em outros casos não”, afirma a Coordenadora do Samu, Iasmim Nepomuceno.

Ela explica que o trote para este serviço é crime, com pena de 1 a 3 anos de prisão e, quando há a identificação dessa fraude, é encaminhada à autoridade competente. “Fazemos um levantamento mensal dos trotes que são recebidos no Samu e enviamos à Delegacia para que as medidas sejam tomadas”, ressalta Iasmim.

A coordenadora reforça que a maioria dos trotes são realizados por crianças e adolescentes. “Vemos que existem números que ligam muitas vezes e identificamos que geralmente trata-se de crianças e adolescentes, o que acaba atrapalhando o serviço do órgão. A gente pede encarecidamente à população que tenha consciência ao utilizar os serviços do Samu e que os pais e responsáveis conscientizem seus filhos para que não façam esse tipo de chamada porque pode ceifar uma vida”, acrescenta Iasmim.

O Serviço de Atendimento Móvel e Urgência (Samu) tem como objetivo chegar precocemente a vítimas em situação de urgência ou emergência, que possam levar a sofrimento, a sequelas ou mesmo à morte. Trata-se de um serviço pré-hospitalar, que visa conectar as vítimas aos recursos que elas necessitam e com a maior brevidade possível

Deixe seu comentário