Rui Costa e João Leão tomam posse nesta terça

Postado por:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
5a9d078e0c1d1_Rui-Costa-e-João-e-eLeão

O governador Rui Costa e o vice-governador João Leão tomam posse às 15h de terça-feira, dia 1º de janeiro, em cerimônia no plenário da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador. A solenidade, que será transmitida ao vivo pela TV Alba, também terá a presença de convidados e autoridades, além dos deputados estaduais.  O rito oficial obedecerá as normas legais e de cerimonial e está previsto para ser iniciado às 14h30, quando autoridades e convidados serão recepcionados na rampa de acesso ao Palácio Deputado Luís Eduardo Magalhães. O presidente da AL-BA, Angelo Coronel, receberá o governador e vice-governador e os conduzirá ao Salão Nobre da Casa, onde esperarão o início da sessão solene de posse.

A sessão começará às 15h no Plenário Orlando Spínola e será comandada pelo deputado Angelo Coronel (PSD),  presidente do Legislativo. Coronel abrirá oficialmente a sessão e nomeará uma comissão de parlamentares para conduzir Rui e Leão ao plenário.Ao ser retomada a cerimônia, já com as presenças do governador e vice-governador, os presentes ouvirão o Hino Nacional executado pela banda de música do maestro Wanderley da Polícia Militar da Bahia.

Em seguida o presidente da AL-BA passa a palavra ao governador para a leitura do juramento constitucional, a ser proferido também por João Leão. A cerimônia continua com a leitura, pelo 2º secretário da Casa, deputado Aderbal Caldas, do termo oficial de posse e da declaração dos bens do governador reeleito. Assinam o documento de posse Rui Costa, Aderbal Caldas e o 3º secretário da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, Fabrício Falcão. Igual ritual será cumprido em relação ao vice-governador.

Empossado, Rui Costa assume a tribuna para o primeiro pronunciamento oficial do segundo mandato. As normas legais e regimentais prevêm que apenas o governador fará uso da palavra. Findo o discurso e a cerimônia em plenário, e somente após a posse oficial, o governador passará em revista a Guarda de Honra, composta por cadetes da Polícia Militar.

Deixe seu comentário