‘Não tenho do quê reclamar’ diz vereadora sobre convivência com os colegas

Postado por:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
lok

Irmã Leda (PDT) fez algumas considerações sobre o ano no Legislativo, na sessão desta segunda-feira 17, quando seus colegas também destacaram suas ações e as demandas que não foram possíveis ver realizadas.

A vereadora apresentou 97 requerimentos; 13 projetos de lei, 10 moções e indicações e agradeceu o apoio dos familiares e assessores.

“Eu agradeço primeiro a Deus, pois sem Ele nada seria possível, e depois a minha família, esposo, filhos e irmãos, nós recebemos sempre muitas cobranças e eles me apoiam; aos colegas, pois eu sou a única mulher aqui, mas nunca houve falta de respeito, pelo contrário, eu não tenho do quê reclamar, temos uma excelente relação e aos meus assessores que sempre que há solicitação para atender a comunidade correm atrás para resolver”, destacou a parlamentar.

Leda também fez agradecimentos aos secretários municipais e disse que desejou a Luiz de Deus discernimento e sabedoria. “Eu sei que peço muitas coisas e nem sempre tem como atender, mas aquilo que foi feito para benefício do povo eu agradeço e desejo que o prefeito saiba dirigir esse município com sabedoria, peça ao “alto” e não ao homem, porque o homem é falho.”

Quando foi agradecer aos eleitores, Leda brincou com o colega Zezinho do INSS (Podemos) que lembrou todos os povoados da área rural de Paulo Afonso.

“Eu queria Zezinho ter a sua memória e citar nome por nome dos povoados, mas tenho memória péssima; desejo a toda população de Paulo Afonso um feliz Natal  e que nós possamos olhar mais uns para os outros com humanidade que é isso que o mundo precisa, em nome do Senhor Jesus.”

 

Por Ivone Lima.

Deixe seu comentário